Visualizações

99

O meio ambiente litorâneo e insular do Paraná

Publicado em 05 de julho de 2021.

O litoral do Paraná, com aproximadamente 90 km de costa, fica localizado no sul do Brasil entre as coordenadas 25°20’S-25°35’S // 48°17’W-48°42’W). Embora seja o segundo menor litoral do país, a costa parananense é permeada por baías, apresentando assim mais de 1000 km de litoral estuarino interior, e cerca de 300km2 de manguezais. O litoral sul do país, inserido na zona climática subtropical, é influenciado pela Corrente do Brasil e pela Corrente Sul Atlântica, limite sul do Giro Subtropical do Oceano Atlântico Sul, resultando em variação nos processos de transferência termo-halina, que por sua vez determinam os processos atmosféricos do clima regional.

A vulnerabilidade territorial do Paraná justifica a presença de 68 Unidades de Conservação (UC) estaduais, estando 12 no litoral, perfazendo 18% das UCs do Estado (www.iap.pr.gov.br). Seis delas ainda são UCs Federais (APA de Guaraqueçaba, ARIE de Pinheiro e Pinheirinho, Estação Ecológica de Guaraqueçaba, Parque Nacional do Superagui, Parque Nacional Saint Hilaire-Lange e Parque Nacional Marinho das Ilhas dos Currais). O Complexo Estuarino de Paranaguá (CEP) faz parte do complexo Paranaguá-Iguape-Cananéia que integra o Mosaico Lagamar, um trecho costeiro de terras inundáveis que conecta o litoral norte paranaense ao sul paulista. Considerado o terceiro de maior importância no país, o CEP é circundado pela Serra do Mar e pela maior área de preservação de Mata Atlântica, Floresta Ombrófila Densa do país. A Planície Costeira abriga uma vasta diversidade de ecossistemas, como manguezais, marismas, costões rochosos, praias arenosas, ilhas costeiras e um arquipélago de plataforma. Por este motivo o CEP integra a Reserva da Biosfera Vale do Ribeira-Graciosa (UNESCO). A área é ainda reconhecida pela União Internacional para Conservação da Natureza como de relevante produtividade costeira no Atlântico Sul, uma vez que o Paraná e Santa Catarina estão em uma das áreas de maior variabilidade da Confluência Brasil-Malvinas, resultando em alta produtividade primária, e consequentemente abundância de recursos pesqueiros. 

O litoral paranaense é conformado pelos municípios de Guaraqueçaba, Antonina, Morretes, Paranaguá, Pontal do Paraná, Matinhos e Guaratuba, e suas principais atividades sócio-econômicas são: turismo (principalmente ecológico e histórico-cultural), pesca artesanal, agricultura (prioritariamente banana e palmito) e pecuária. Porém, a atividade de maior relevância econômica na integração dos sistemas produtivos, é o setor portuário. 

O CEP aloja o maior porto graneleiro e de fertilizantes da América Latina. O Porto de Paranaguá, com 85 anos de história, movimenta aproximadamente U$ 31 bilhões / ano de mercadorias, correspondendo a cerca de 1/3 do PIB do Estado (aen.pr.gov.br). Nas últimas décadas o litoral paranaense tem sofrido grandes transformações, devido o aumento da população, especulação imobiliária e industrialização, os quais provocam impactos ambientais, e conflito no uso de recursos, principalmente com as populações tradicionais.

Ademais, estudos sobre mudanças climáticas, fruto de ações “homem vs natureza”, sugerem o aumento da frequência e intensidade de eventos severos meteorológicos e oceanográficos (ex. ciclones, ressacas, tremores de terra, secas, inundações, mudanças de temperatura e de regime pluviométrico abruptos, dentre outros extremos). Desta forma, o corpo docente e de pesquisadores do Programa de Pós-Graduação em Ambientes Litorâneos e Insulares (PG-PALI - UNESPAR) - Campus de Paranaguá apresenta uma compilação de artigos científicos que visam esclarecer alguns dos aspectos supracitados em duas linhas temáticas: 1. Estrutura Ecológica e Funcionamento de Ecossistemas e 2. Serviços Ecossistêmicos e Desenvolvimento Sustentável. Esperamos que esta obra auxilie na formação de estudantes de graduação e de pós-graduação, e promova, aos técnicos e gestores de órgãos competentes, melhores tomadas de decisões conservacionistas no Estado do Paraná.

Franciane Pellizzari

Organizadora

O meio ambiente litorâneo e insular do Paraná

DOI: https://doi.org/10.22533/at.ed.750210507

ISBN: 978-65-5983-275-0

Palavras chave: 1. Meio ambiente. 2. Litoral do Paraná. 3. Ecossistemas. I. Pellizzari, Franciane (Organizadora). II. Gomes-Figueiredo, Josiane Aparecida (Organizadora). III. Título.

Ano: 2021

Autores

  • ADILSON ANACLETO
  • ANA CAROLINA PAVÃO DA SILVA
  • ANNA LAURA BONTORIN CHAVES
  • CARLOS ALBERTO BORZONE
  • CASSIANA BAPTISTA METRI
  • CASSIANA BAPTISTA-METRI
  • CLAUDIO DYBAS NATIVIDADE
  • CRISTINA BERNARDO
  • DANYELLE STRINGARI
  • EMELYN KATIANE DE VARGAS
  • EMERSON LUIS TONETTI
  • ESTEFAN MONTEIRO DA FONSECA
  • EUCLIDES SELVINO GRANDO JÚNIOR
  • FERNANDA RIBEIRO DE FREITAS
  • FRANCIANE PELLIZZARI
  • HUGO BORNATOWSKI
  • INARA REGINA WENGRATT MENDONÇA
  • JOÃO MIRAGAIA SCHMIEGELOW
  • JOÃO ROBERTO NAVARRO
  • JOSÉ FRANCISCO DE OLIVEIRA NETO
  • JOSIANE APARECIDA GOMES-FIGUEIREDO
  • JOSIANE APARECIDA GOMES-FIGUEIREDO
  • KAROLINE GERALDO CORDEIRO
  • KÁTIA KALKO SCHWARZ
  • LEANDRO ANGELO PEREIRA
  • LEONARDO JOSÉ DUDA
  • LETÍCIA DE OLIVEIRA WASSÃO
  • LETÍCIA DE PAULO KOPROSKI
  • LETÍCIA KOPROSKI
  • LUIS FERNANDO ROVEDA
  • LUIS FERNANDO ROVEDA
  • MAÍRA ZACHARIAS 
  • MARÍLIA CUNHA-LIGNON
  • MAYRA JANKOWSKY
  • MICHELLE CRISTINE DOS SANTOS SILVA
  • MICHELLE CRISTINE SANTOS-SILVA
  • NATALIE PETROVNA SEMANOVSCHI
  • PABLO DAMIAN BORGES GUILHERME
  • PAULO ROGERIO MANGINI
  • PETRUCIO DE SOUZA MARECO
  • RAFAEL METRI
  • RAYANE SILVA BUENO
  • ROBIN HILBERT LOOSE
  • SARAH CHARLIER SARUBO
  • SCARLETT SCARABOTTO BERTELLI MENDES PINTO
  • TÂNIA ZALESKI
  • TATHIANA DO CARMO PEREIRA SCARPIM
  • THAÍS BARBOSA
  • THALI SAMPAIO
  • VANESSA SAYURI OSAKI
  • WANDERLEY HERMENEGILDO
  • WELLINGTON LUIZ RAMOS DA ROCHA
  • YARA APARECIDA GARCIA TAVARES

Artigos