Visualizações

163

Fatores Associados à Saúde Mental em Gestantes de Alto Risco: Níveis de ansiedade e padrão de autoestima

As pesquisas sobre a saúde da mulher no ciclo gravídico-puerperal, apesar de bem documentadas, pouco enfatizam acerca dos impactos que este ciclo representa para a saúde mental de gestantes e puérperas. Diante do fato do século XXI ser marcado por notório aumento de casos de transtornos mentais como ansiedade, depressão e baixa autoestima, torna-se evidente, e ainda mais urgente, a necessidade de se voltar à atenção a essas mulheres, principalmente aquelas que perpassam por uma gravidez de alto risco.

Esse referido estado gravídico gera alterações hormonais significativas, refletidas através de sentimentos conflituosos, incertezas e medos das muitas mudanças características neste período. A gestante se depara com uma variedade de exames, avaliações e consultas de modo a garantir a sua saúde física, bem como do feto intrauterino. Enquanto isso, a saúde mental é marginalizada e/ou resguardada e soma-se ao desinteresse e/ou desconhecimento da área da saúde e ao desconhecimento por parte da gestante, além da escassa rede de apoio que se mostra pouco consciente da complexidade das necessidades dessa mulher.

Neste livro, destacam-se dois fatores que podem ser marcantes diante do contexto de alto risco: a autoestima e a ansiedade. A autoestima é o reflexo de como a mulher lida com as mudanças vivenciadas no decorrer da gestação, seja de cunho físico, emocional, familiar e/ou social. A interferência negativa de um desses fatores afeta o modo como essas mulheres se veem. Além disso, a autoestima é colocada à prova diante da exigência do papel social de ser mãe, geralmente romantizado e tomado como vocação, fato este que conflitua com a realidade.

A ansiedade, por sua vez, advém de estressores que permeiam não só as diversas mudanças e adaptações vivenciadas no ciclo gravídico, mas também suscitados pelo temor relacionado ao surgimento de possíveis agravos patológicos no processo tanto para mulher quanto para o bebê gerado. É a preocupação do que está por vir que afeta o atual momento, por, possivelmente, potencializar a gravidade da gestação. A não observação das questões psiquiátricas dessas mulheres em situação de gestação de alto risco pode acarretar em transtornos mais graves como Depressão Pós-Parto (DPP) e Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT).

Logo, vê-se a importância de publicar e disseminar a pesquisa abordada neste livro. Portanto, convidam-se os profissionais a abraçar as vulnerabilidades da gestante de alto risco e respeitar a autonomia feminina diante do corpo. A assistência à gestante precisa ser integral para que a experiência materna seja mais positiva e influencie nos desfechos positivos ao binômio.

Este livro tem o desafio de descrever, debater e preencher as lacunas das pesquisas sobre autoestima e ansiedade e os impactos em gestantes de alto risco. Ao se debruçarem nesta temática, os autores assumem a missão de apresentar esses fatores e as correlações afins. Além disso, foram utilizados instrumentos importantes na avaliação de autoestima e ansiedade. Trata-se, respectivamente, da Escala de Rosenberg e do Inventário de Ansiedade de Beck, consagrados nas pesquisas científicas, adaptados e validados no Brasil.

O livro está organizado em sete capítulos correspondentes ao mesmo número

de artigos oriundos de recortes do Trabalho de Conclusão de Residência (TCR). Este, pertencente ao Programa de Residência Uniprofissional em Enfermagem Obstétrica lotado no Hospital Agamenon Magalhães (HAM) e vinculado a Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças (FENSG)/Universidade de Pernambuco (UPE): Liniker Scolfild Rodrigues da Silva, pesquisador responsável pelo conjunto da obra: Fatores Associados à Saúde Mental em Gestantes de Alto Risco: Níveis de Ansiedade e Padrão de Autoestima. Nestes artigos, contou-se com a colaboração de diversos autores para enriquecer a construção e discussão da temática.

O primeiro capítulo, intitulado como: Associação entre autoestima e níveis de ansiedade em gestantes de alto risco em uma maternidade de referência na cidade do Recife, Pernambuco, Brasil, trata-se do artigo homônimo ao TCR e compõe o principal conjunto, no qual se confrontam as variáveis sociodemográficas diante do nível de autoestima e ansiedade entre gestantes de alto risco de uma maternidade do município de Recife, capital de Pernambuco. Ainda, verifica a associação de ansiedade e autoestima por meio dos instrumentos de Beck e Rosenberg.

No segundo capítulo, Autoestima de mulheres com gestação de alto risco, debruça-se sobre o perfil socioeconômico e obstétrico bem como o nível de autoestima da amostra selecionada. Enfatiza-se, porém, a imagem que a mulher tem de si própria, como as mudanças corporais no decorrer da gravidez e na vivência com a gestação de alto risco, acrescidas da condição socioeconômica.

O terceiro capítulo intitulado Níveis de ansiedade em gestantes de alto risco, trata deste agravo mental nas pacientes internadas em enfermarias de alto risco, numa clínica de referência na cidade do Recife, Pernambuco (PE). O estudo descritivo permite visualizarmos como a ansiedade e as variáveis socioeconômicas e obstétricas se comportam nesse grupo pesquisado.

O quarto capítulo, Correlação entre níveis de ansiedade e de autoestima em gestantes de alto risco, traz uma relação mais aprofundada sobre a correlação entre as variáveis obstétricas vivenciadas pelas gestantes de alto risco. Os dados desse capítulo permitem ao profissional/pesquisador ter uma melhor compreensão sobre os fatores a serem abordados na assistência obstétrica.

O quinto capítulo, Gestantes de alto risco: uma análise da autoestima e fatores associados em uma maternidade de referência na cidade do Recife, PE, Brasil, trata-se do artigo que irá elaborar e descrever a correlação das variáveis obstétricas com o enfoque na autoestima.

Por fim, tanto o sexto capítulo – Inventário de Ansiedade de Beck: uma correlação dos fatores sociais e obstétricos em gestantes de alto risco na cidade do Recife, PE, Brasil –quanto o sétimo capítulo – Autoestima em gestantes de risco: fatores sociais e obstétricoscorrelacionados – trazem a mesma proposta: evidenciar, respectivamente, as correlaçõesda ansiedade e da autoestima com ênfase nos instrumentos utilizados.

Mediante a importância trazida desse retrato, convidam-se leitores, curiosos e profissionais da saúde, em especial os enfermeiros, para a leitura prazerosa deste trabalho, que tem como objetivo, desenvolver uma assistência obstétrica voltada à saúde mental – ansiedade e autoestima – nas gestantes de alto risco durante o período gravídico.

Fatores Associados à Saúde Mental em Gestantes de Alto Risco: Níveis de ansiedade e padrão de autoestima

DOI: 10.22533/at.ed.793210904

ISBN: 978-65-5706-879-3

Palavras chave: 1. Saúde mental. 2. Gestantes. 3. Ansiedade. I. Silva, Liniker Scolfild Rodrigues da (Organizador). II. Cordeiro, Eliana Lessa (Organizadora). III. Mendes Filho, Edivaldo Bezerra (Organizador). IV. Título.

Ano: 2021

Autores

  • ANA PAULA AMARAL PEDROSA
  • ANDREA DE ALMEIDA VASCONCELOS NOGUEIRA
  • ANDRÉ BUARQUE LEMOS
  • ANNE GABRIELLE VASCONCELOS DE OLIVEIRA
  • ANTONIO JOSÉ DE VASCONCELOS NETO
  • ARLLEY ARAÚJO DEDIER BARBOSA
  • BRUNO HENRIQUE XIMENES RODRIGUES
  • CAMILA FERNANDES DA SILVA CARVALHO
  • CARLOS TIAGO DA SILVEIRA CHAVES
  • CLARISSA SILVA PIMENTA
  • CRISTINA ALBUQUERQUE DOUBERIN
  • DANIELLA PONTES MATOS
  • DANIELLE BELMIRA FERRAZ FIGUEIREDO TORRES
  • EDIVALDO BEZERRA MENDES FILHO
  • EDUARDA MARTINS CABRAL
  • ELIANA LESSA CORDEIRO
  • ELÍSIO MARQUES MADUREIRA LELIS
  • EMANUELA BATISTA FERREIRA E PEREIRA
  • EMERSON OLIVEIRA DOS SANTOS
  • ÉVELYN CRISTINA MORAIS PESSÔA LIMA
  • FERNANDA BARBOSA DOS SANTOS
  • FERNANDA DA MATA VASCONCELOS SILVA
  • FRANCISCA MÁRCIA PEREIRA LINHARES
  • FRANCISCO ROBSON DA SILVA COSTA
  • HERISSON RODRIGUES DE OLIVEIRA
  • IANNE LARISSE ALVES FERREIRA
  • JABIAEL CARNEIRO DA SILVA FILHO
  • JOEL AZEVEDO DE MENEZES NETO
  • JOSENILDA GUSMÃO DA SILVA
  • JULIANY FERNANDA ALVES DE SOUZA SILVA
  • KARINNE FERREIRA DE SOUZA
  • KARLA ROBERTA LEITE DE LIMA
  • LARISSA ALANE COSTA OLIVEIRA
  • LARYSSA GRAZIELLE FEITOSA LOPES
  • LAYDSON ADRIAN ARAÚJO
  • LETÍCIA ALESSANDRA DE OLIVEIRA
  • LINIKER SCOLFILD RODRIGUES DA SILVA
  • LUIZ VALÉRIO SOARES DA CUNHA JUNIOR
  • MANUELLA KARINA GOMES DA SILVA
  • MARCELA FRANKLIN SALVADOR DE MENDONÇA
  • MARIANA BATISTA DA SILVA
  • MARIANA FARIAS GOMES
  • MELKA ROBERTA GUEDES DE LIRA E PINTO
  • MONYQUE DE SOUZA MELO
  • NATHÁLIA DA SILVA CORREIA
  • PATRÍCIA PAIVA DE MENDONÇA
  • PHELIPE GOMES DE BARROS
  • RAFAEL NERI DE CARVALHO MOURA
  • RAIMUNDO RODRIGO VIRGÍNIO DA COSTA
  • RAQUEL BEZERRA DOS SANTOS
  • RENATO WILLAMY DA SILVA COSTA
  • RONALBERTO LOPES DE ARAUJO
  • ROSIMERY RODRIGUES DE ALMEIDA MENDES
  • THAÍS ANDRÉA DE OLIVEIRA MOURA
  • THAÍSE TORRES DE ALBUQUERQUE
  • THYAGO DA COSTA WANDERLEY
  • VANESSA REGINA OLIVEIRA TAVARES
  • VIVIANE MARIA RIBEIRO PINA