Visualizações

53

Toxicidade, Citotoxicidade e Genotoxicidade de Aditivos Corantes Utilizados na Fabricação de Alimentos e Rações Animais

O corante inorgânico dióxido de titânio, o natural carmim e o corante sintético idêntico ao natural caramelo IV foram avaliados quanto a toxidade e a citogenotoxicidade frente aos bioensaios Allium cepa e Artemia salina em 24 e 48 horas de exposição. Para o Dióxido de titânio foram avaliadas as concentrações 25; 50; 100; 200; 400 g/1000 mL (corante/água destilada); para o Carmim 10 mL/10; 5; 2,5; 1,25; 0,625 mL (corante/água destilada) e para o caramelo 1; 10; 20; 30; 40 mL/1000 mL (corante/água destilada) em células meristemáticas de Allium cepa. Para Artemia salina as concentrações com intervalo de 125.000 a 122,07 ppm para o dióxido de titânio e carmim e 7.812,50 a 61,04 ppm para o caramelo foram utilizadas para avaliação de toxidade. Em Allium cepa, as células foram analisadas totalizando 3.000 para cada controle e tempo de exposição cuja análise dos resultados para citogenotoxicidade foi feita pelo software R com o teste não paramétrico de Kruskal Wallis a 5%, os resultados mostraram que todas as concentrações do dióxido de titânio causaram significativa redução do índice mitótico, sendo que nas concentrações 200 e 400 g/1000 mL em 48 horas de exposição esse efeito foi ainda mais efetivo apresentando-se como significativo em relação ao controle e também ao tempo de exposição de 24 horas. Não diferente, o carmim e o caramelo também reduziram o índice de divisão celular logo nas 24 horas de exposição, condição que se manteve para todas as concentrações em 48 horas de exposição. Para Artemia salina a análise de regressão mostrou que os produtos foram tóxicos para os náuplios causando mortalidade, condição essa que ampliou em concentrações maiores e maior tempo de exposição. Assim, esses resultados confirmam o efeito tóxico dos corantes dióxido de titânio, carmim e caramelo sobre os sistemas testes avaliados demonstrando a necessidade de controle no uso desses aditivos pelas principais agências reguladoras.

Toxicidade, Citotoxicidade e Genotoxicidade de Aditivos Corantes Utilizados na Fabricação de Alimentos e Rações Animais

DOI: 10.22533/at.ed.180202107

ISBN: 978-65-5706-218-0

Palavras chave: 1. Aditivos corantes. 2. Artemia salina. 3. Allium cepa. I. Peron, Ana Paula. II. Silva, Tamires de Sousa. III. Silva, Ana Paula Soares e. IV. Souza, Débora Cristina de. V. Deus, Maria do Socorro Meireles de. VI. Bueno, Paulo Agenor Alves. VII. Marques, Márcia Maria Mendes. VIII. Almeida, Pedro Marcos de.

Ano: 2020

Autores

  • ANA PAULA PERON
  • TAMIRES DE SOUSA SILVA
  • ANA PAULA SOARES E SILVA
  • DÉBORA CRISTINA DE SOUZA
  • MARIA DO SOCORRO MEIRELES DE DEUS
  • PAULO AGENOR ALVES BUENO
  • MÁRCIA MARIA MENDES MARQUES
  • PEDRO MARCOS DE ALMEIDA