A Produção do Conhecimento Interdisciplinar nas Ciências Ambientais 2

O livro intitulado “A Produção do Conhecimento Interdisciplinar nas Ciências Ambientais 2” trata-se de um pioneiro trabalho coletivo produzido por pesquisadores de todas as regiões brasileiras, findando abordar temáticas relevantes ao campo de Ciências Ambientais a partir de enfoques teórico-metodológicos absorventes e plurais que se materializam a partir de uma abordagem interdisciplinar.

As contribuições deste livro são oriundas, tanto da área de Ciências Ambientais stricto sensu, quanto, do campo de Ciências Ambientais lato sensu, conformado pela agregação de discussões das áreas de Gestão Ambiental, Ciências Florestais, Biologia, Engenharia, Desenvolvimento e Planejamento Territorial, Ecologia, Gestão e Regulação de Recursos Hídricos, Zootecnia, Biomedicina, Enfermagem, Ciências Agrárias.

Organizado em doze capítulos, o presente livro foi estruturado por meio de pesquisas laboratoriais e de campo que se utilizaram de diferentes técnicas de levantamento e análise de dados, sendo caracterizadas, de modo convergente, pelo uso de procedimentos metodológicos de natureza quali-quantitativa quanto aos meios e de natureza exploratória e descritiva quanto aos fins.

No primeiro capítulo, “Influência da vegetação em variáveis climáticas: estudo em bairros da cidade de Cascavel - PR”, a coleta de dados em áreas verdes da cidade de Cascavel trouxe como resultado a identificação de que a presença de vegetação tem grande influência no microclima local e que a região que possui maior quantidade de maciço arbóreo tem melhores condições climáticas sobre a região da cidade que tem menor quantidade de maciço arbóreo.

No segundo capítulo, “Incremento diamétrico, hipsométrico e de área de copa de espécies florestais na arborização de calçadas”, os resultados apresentados na pesquisa demonstram ser úteis para auxiliar o processo de criação de cenários de composição do plantio de árvores em áreas urbanas, visando analisar possíveis conflitos com estruturas urbanas e as possíveis soluções para plantar árvores nas calçadas.

No capítulo terceiro, “Árvores e arbustos utilizados na arborização do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco, Campus Recife”, a avaliação das principais espécies arbustivo-arbóreas demonstrou que as espécies registradas proporcionam alimentação para fauna, suporte de conteúdo em aulas práticas e o embelezamento paisagístico e ambiental do campus, embora em um contexto de ausência de valorização da flora nativa na etapa de planejamento de arborização do campus.

No quarto capítulo, “Biomassa e macronutrientes em um povoamento de Eucalyptus benthamii no Sul do Brasil”, o objetivo foi quantificar o estoque de biomassa e macronutrientes em uma área de produção das sementes de Eucalyptus benthamii, em São Francisco de Assis – RS, sendo demonstrado que a quantificação de macronutrientes na biomassa nesta área é proporcionalmente menor em comparação com estudos realizados em plantações comerciais devido ao menor número de árvores por ha.

No quinto capítulo, “Biomassa e micronutrientes em um povoamento de Eucalyptus benthamii no Sul do Brasil”, a quantificação do estoque de biomassa e de macronutrientes na mesma área do capítulo 4 possibilitou demonstrar que as maiores quantidades de micronutrientes estão na casca, folha, frutos, galhos e raízes, componentes que podem ser deixados no campo após a colheita, contribuindo para a ciclagem de nutrientes do local.

No sexto capítulo intitulado “Variações nos teores de clorofila e na dimensão da copa em árvores adultas de Platanus x acerifolia”, a pesquisa demonstrou que a intensidade de radiação solar gera influência sobre cada parte da copa das árvores de Platanus x acerifolia, assim como procedimentos de avaliação de árvores urbanas são importantes para pautar ações de manutenção, a fim de manter os serviços ecossistêmicos almejados com as árvores nas cidades.  

No capítulo sétimo, “Uso do método adaptado de avaliação rápida e priorização do manejo (RAPPAM) para uma unidade de conservação”, as análises realizadas demonstraram que a área analisada requer a aplicação de planejamento das atividades, a implementação do que foi planejado e o monitoramento para verificação da eficácia de inúmeras etapas mencionadas no Plano de Manejo do Parque Estadual de Dois Irmãos, além dos impactos adversos precisarem ser mais focados por parte dos gestores.

No oitavo capítulo, “Estudo da utilização de resíduo de casca cerâmica de microfusão no concreto em substituição ao agregado graúdo e miúdo natural”, a pesquisa teve como objetivo a incorporação do resíduo de casca cerâmica no concreto, visando à preservação ambiental, a reciclagem e a redução no consumo de recursos naturais. O estudo demostra que o uso de casca cerâmica tem grande potencial, devendo ser avaliado cada caso de substituição em função do produto a ser gerado.

No nono capítulo, “Estudo de autodepuração do córrego Batista, Perolândia – Goiás”, o estudo concluiu que este curso hídrico possui capacidade de autodepurar-se caso receba o lançamento de efluentes tratados pelo Sistema de Esgotamento Sanitário de Perolândia, conforme projetado, com eficiência de 90%, e continuará como Classe 2, conforme parâmetros da Resolução 357/2005 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA).

No capítulo décimo, “Funções de pedotransferência de atributos fisico-químicos em solos do Oeste baiano, Brasil”, objetivou-se determinar correlações diretas entre alguns atributos do solo do Oeste da Bahia (granulometria, capacidade de campo, ponto de murcha permanente, carbono orgânico, densidade do solo e capacidade de troca de cátions), bem como desenvolver modelos matemáticos simples entre eles, em que um ou mais atributos servem de componentes principais da função para predizer o outro.

No décimo primeiro livro, “Adsorção de cloridrato de metformina por meio de Ecovio® eletrofiado e carvão ativado”, a pesquisa analisou a metformina, que é o princípio ativo do medicamento utilizado para tratamento de diabetes mellitus tipo 2, de modo que sua presença em rios e lagos provoca a feminilização de peixes e pequenos animais. Com o objetivo de remover esse contaminante foram testados como adsorventes o carvão ativado obtido a partir do coração da bananeira Musa cavendish e o Ecovio® eletrofiado, sendo utilizadas metodologias alternativas a fim de aumentar sua capacidade de adsorção.

No décimo segundo capítulo, “Notificação de esquistossomose versus condições ambientais no município de São Bento, nos anos de 2015/2016”, com base na análise dos dados, o estudo demonstrou a necessidade de intervenção estatal para que a redução do número de casos de esquistossomose observada nos dois anos avaliados se mantenha, bem como ser imperativa a implementação de campanhas educativas visando a conscientização da população deste município maranhense.

Com base nos capítulos ora descritos, o seleto grupo de autores presentes no desenvolvimento desta obra demonstrou um forte e reticular trabalho coletivo de pesquisadoras e pesquisadores - não apenas com distintas formações acadêmicas, mas também oriundos de instituições de ensino superior público e privadas das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste, Norte e Nordeste do Brasil - o que repercutiu em uma rica agenda de pesquisas ambientais comprometidas com as realidades locais.

Desejo uma ótima leitura! Abra os olhos de modo global a partir de transformações locais!

Prof. Dr. Elói Martins Senhoras

 

A Produção do Conhecimento Interdisciplinar nas Ciências Ambientais 2

DOI: 10.22533/at.ed.191201002

ISBN: 978-65-81740-19-1

Palavras chave: 1. Agronomia – Pesquisa – Brasil. 2. Meio ambiente – Pesquisa – Brasil.

Ano: 2020

Autores

  • Adriane Mendes Vieira Mota
  • Aline Aparecida Ludvichak
  • Amanda Silva dos Santos Aliança
  • Ana Caroline Reis Meira
  • Ana Maria Damasio
  • Andréa Cristina Baltar Barros
  • Andréia Gregório da Silva Santos
  • Angelica Alves Rodrigues
  • Angélica Costa Malheiros
  • Antônio Pasqualetto
  • Aparecido Nivaldo Módenes
  • Bruno Araújo Corrêa
  • Cecília Maria Mota Silva Lins
  • Cinthia Thiesen Otani
  • Claudiney do Couto Guimarães
  • Daniela Sanson
  • Daniele de Castro Pessoa de Melo
  • Décio Lopes Cardoso
  • Diego Gustavo Nobre Dias
  • Dione Richer Momolli
  • Dione Richer Momolli
  • Douglas Cardoso Dragunski
  • Eder Alan do Nascimento de Oliveira
  • Edil Mota Lins
  • EDUARDO ANTONIO MAIA LINS
  • Elisiane Vendruscolo
  • Fabiana Schmidt Bandeira Peres
  • Fábio de Souza Sales
  • Fábio José de Araújo Pedrosa
  • Gunnar Jorg Kelsch
  • Heliab Bomfim Nunes
  • Huan Pablo de Souza
  • Iara Cristina da Silva Santana
  • Italo Leal Ferreira de Almeida
  • Jéssica Batista da Mata
  • Jéssica Thalheimer de Aguiar
  • Joaquim Pedro Soares Neto
  • JOAQUIM PEDRO SOARES NETO
  • José Mateus Wisniewski Gonsalves
  • Kátia Cylene Lombardi
  • Larissa Silva Oliveira
  • LARISSA SILVA OLIVEIRA
  • Luiz Oliveira da Costa Filho
  • Luiz Vital Fernandes Cruz da Cunha
  • Maria Clara Pestana Calsa
  • Maria de Lourdes Almeida Gonçalves
  • Maria Eduarda Franco Costa
  • Marília Larocerie Lupchinski Magalhães
  • Marina Tedesco
  • Mauro Valdir Schumacher
  • Mônica Carminati Scariotto
  • Nelio Domingos da Silva
  • Paulo Rodrigo Stival Bittencourt
  • Pedro Henrique Monteiro Marinho
  • Reginaldo Pereira Oliveira
  • Rejane Maria Candiota Tubino
  • Roberta Richard Pinto
  • Rogerio Bobrowski
  • Sérgio Carvalho de Paiva
  • Sidnei Antonio Crovador Junior
  • Suzana Figueiredo de Souza
  • Tadeu Cavalcante Reis
  • Tarik Cuchi
  • Vandeyse Abades Rosa
  • Wanessa Silva Rocha