Mídia online: como o ciberjornalismo aborda as doenças psíquicas

O objetivo principal deste artigo é analisar como as doenças da alma, especificamente a anorexia, bulimia e depressão estão sendo tratadas pela mídia online. Dos 2870 textos analisados no mês de maio apenas 01 estava relacionado ao tema da pesquisa de forma direta e foi publicado no dia 24. Outras seis notas apresentavam de forma indireta uma relação com os temas estudados. Ao analisar o conteúdo dos textos, observa-se que estão dentro de uma vertente ideológica ligada ao modelo biomédico. A metodologia utilizada na análise dos dados tem como base um modelo qualitativo com foco na análise de conteúdo e busca perceber como os ciberjornalistas abordam as doenças psíquicas nos seus textos. Não é mais novidade que as transformações sociais, econômicas e culturais alcançadas na contemporaneidade modificaram também as formas de constituição da subjetividade. Com isso, foi possível constatar que a mídia online local não valoriza e não aborda em seus sites as doenças da alma, contribuindo para reforçar os preconceitos ligados às doenças psíquicas.

Mídia online: como o ciberjornalismo aborda as doenças psíquicas

DOI: 10.22533/at.ed.2611909016

Palavras chave: Ciberjornalismo; Cibercultura; Depressão; Anorexia e Bulimia.

Keywords: Atena

Abstract:

Atena

Autores

  • VALESCA SOARES CONSOLARO