Visualizações

10

CONTRIBUIÇÃO DA EDUCAÇÃO FÍSICA NA PROMOÇÃO DA SAÚDE DE ESTUDANTES

Artigos observacionais mostram que a prática de atividade física no lazer apresenta um impacto positivo na saúde física e na saúde mental de todos. A Educação Física escolar pode proporcionar a motivação necessária para a realização das atividades corporais que se estenderá ao longo da vida de uma pessoa. Portanto, estudar o tema justifica-se pela importância e relevância para melhor compreensão da percepção dos alunos sobre o assunto, uma vez que, o espaço escolar deixa de ser o local onde o aluno vai apenas para aprender. O estudo objetivou realizar o levantamento bibliográfico dos estudantes sobre a importância do exercício físico e a sua relação com  a saúde no contexto escolar no Brasil. Este estudo constitui uma revisão bibliográfica a respeito das práticas de educação física voltadas para  os estudantes e a saúde.  A coleta de dados foi realizada no período de março a outubro de 2020 e utilizou-se para a pesquisa as bases de dados Scientific Eletrônic Library Online (SciELO) dos 44 artigos encontrados, foram incluídos na análise 9 estudos. A Educação Física é um componente curricular que possui vários objetivos, incluindo o desenvolvimento de habilidades esportivas, sociais, emocionais, cognitivas e motoras. A prática de exercícios físicos se associou com menor prevalência de sintomas depressivos no presente estudo. Além de reduzir a sintomatologia depressiva, com o exercício físico observou-se melhora na qualidade do sono e na função cognitiva. Esses resultados sugerem que, para promover a saúde, os programas de Educação Física devem permitir que o aluno seja ativo durante as aulas. Por outro lado, a organização da Educação Física convencional deve ser revista para prevenir outros problemas de saúde associados.

CONTRIBUIÇÃO DA EDUCAÇÃO FÍSICA NA PROMOÇÃO DA SAÚDE DE ESTUDANTES

DOI: 10.22533/at.ed.37421200512

Palavras chave: Estudante, Promoção da Saúde Escolar, exercício físico

Keywords: Student, School Health Promotion, physical exercise

Abstract:

Observational articles show that the practice of physical activity during leisure has a positive impact on the physical and mental health of all. School Physical Education can provide the necessary motivation to carry out bodily activities that will extend throughout a person's life. Therefore, the study of the theme is justified by the importance and relevance for a better understanding of the students' perception on the subject, since the school space is no longer the place where the student only goes to learn. The study aimed to carry out a bibliographic survey of students on the importance of physical exercise and its relationship with health in the school context in Brazil. This study constitutes a bibliographic review about physical education practices aimed at students and health. Data collection was carried out from March to October 2020 and used the Scientific Electronic Library Online (SciELO) databases. From the 44 articles found in the research, 9 studies were included in the analysis. Physical Education is a curricular component that has several goals, including the development of sports, social, emotional, cognitive and motor skills. The practice of physical exercises was associated with a lower prevalence of depressive symptoms in the present study. In addition to reducing depressive symptoms, physical exercise has shown an improvement in sleep quality and cognitive function. These results suggest that, to promote health, Physical Education programs must allow the student to be active during classes. On the other hand, the organization of conventional Physical Education must be revised to prevent other associated health problems.

Autores

  • Lara Patrícia de Lima Cavalcante
  • Zilka dos Santos de Freitas Ribeiro
  • Sthefany Alves dos Santos
  • Raniely Hosana Sousa
  • Karoline Barbosa Vieira
  • Tereza Soraia de Queiroz
  • Patrícia Carvalho de Oliveira
  • Rodolpho Carvalho Leite