AS PRÁTICAS RELIGIOSAS E A INFLUÊNCIA DA ESPIRITUALIDADE NA REABILITAÇÃO DE DROGADITOS

Não obstante o desenvolvimento das Ciências da Saúde nas últimas décadas devido ao avanço tecnológico e a influência do racionalismo na ciência, cada vez mais observa-se que esta área do conhecimento tem se aberto mais às possiblidades de influência das práticas religiosas na preservação da saúde e na prevenção de doenças. Ainda que, em geral, haja um certo receio quanto a esta relação, já se abrem novos horizontes no que se refere à possibilidade de uso de práticas religiosas que visem a melhoria de patologias diversas. Neste breve artigo buscaremos apresentar as práticas religiosas como possibilidade eficaz na reabilitação de dependentes de substâncias psicoativas. O tipo de pesquisa utilizado foi pura, com abordagem qualitativa, fazendo uso da técnica de revisão bibliográfica. Concluiu-se que as práticas religiosas já são consideradas em muitos tratamentos em dependência química, assim como para atuar na terapia de codependentes, também foi observado que os índices de reabilitação são proclamados como satisfatórios quando comparados com outros métodos em que não são utilizadas práticas religiosas.

AS PRÁTICAS RELIGIOSAS E A INFLUÊNCIA DA ESPIRITUALIDADE NA REABILITAÇÃO DE DROGADITOS

DOI: 10.22533/at.ed.70321120220

Palavras chave: Práticas religiosas, espiritualidade, reabilitação, drogadição, codependência

Keywords: Religious practices, spirituality, rehabilitation, drug addiction, codependency

Abstract:

Even with the development of Health Sciences in recent decades due to technological advances and the influence of rationalism in science, it is increasingly observed that this area of ​​knowledge has been opening up more to the possibilities of influencing religious practices in preserving health and in disease prevention. Although, in general, there is a certain fear about this relationship, new horizons are already opening with regard to the possibility of using religious practices aimed at improving various pathologies. In this article we will present religious practices as an effective possibility in the rehabilitation of addicts of psychoactive substances. The research used was pure, with a qualitative approach, making use of the literature review technique. It was concluded that religious practices are already considered in many treatments in chemical dependence, as well as to act in the therapy of codependents, it was also observed that the rehabilitation rates are proclaimed as satisfactory when compared to other methods in which religious practices are not used.

Autores

  • Saulo Duarte Lima Ribeiro
  • Karla Muniz Barreto Oton