Visualizações

45

FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DO DOCENTE PARA A ATUAÇÃO NA EDUCAÇÃO ESPECIAL NA PERSPECTIVA INCLUSIVA

Este artigo é parte inicial de uma pesquisa em andamento no curso de graduação em pedagogia da Faculdade Insted. Tem por objetivo realizar um levantamento frente a importância da formação continuada do professor para uma educação especial inclusiva, por meio de uma análise documental e bibliográfica. Por sua vez escolhemos o paradigma sobre o sistema educacional que produz a exclusão diante daquele que possui especificidade perante o padrão estrutural apontado como “normalidade”. Ressaltamos que para que a educação especial possa ser efetivada no ensino comum, se faz necessário compreender como os docentes estão sendo preparados para este desafio, uma vez que a formação inicial e continuada é primordial para a realização de um bom trabalho. Nesse buscamos abranger a necessidade de uma formação continuada no grupo docente, assim trazendo-lhes uma grande massa e gozo de conhecimentos que obtivemos nessa pesquisa, em uma pedagogia centrada na criança, de modo a partilhar que é o espaço educacional que deve se preparar e adequar-se às especificidades. O trabalho pedagógico na escola é fonte de múltiplas discussões, que necessitam de uma análise contínua. A formação está diretamente ligada às transformações na prática pedagógica, o desenvolvimento pessoal e profissional, levando o trabalho docente à mudanças. Concluímos que o professor deve adquirir o conhecimento do processo de desenvolvimento humano, levando em consideração e contemplando em suas práxis pedagógicas às especificidades de cada criança sejam elas físicas, emocionais ou sociais.

FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DO DOCENTE PARA A ATUAÇÃO NA EDUCAÇÃO ESPECIAL NA PERSPECTIVA INCLUSIVA

DOI: 10.22533/at.ed.4892126025

Palavras chave: Educação especial. Formação inicial e continuada. Educação inclusiva.

Keywords: Special education. Initial and continuing training. Inclusive education.

Abstract:

This article is an initial part of an ongoing research in the undergraduate course in pedagogy at Faculdade Insted. It aims to carry out a survey in view of the importance of continuing teacher education for a special inclusive education, through a documentary and bibliographic analysis. In turn, we chose the paradigm about the educational system that produces exclusion in the face of that which has specificity in view of the structural pattern pointed out as “normality”. We emphasize that in order for special education to be carried out in ordinary education, it is necessary to understand how teachers are being prepared for this challenge, since initial and continuing education is essential for the performance of a good job. In this, we seek to cover the need for continued training in the teaching group, thus bringing them a large mass and enjoyment of knowledge that we obtained in this research, in a child-centered pedagogy, in order to share that it is the educational space that must be prepared and adapt to the specifics. Pedagogical work at school is the source of multiple discussions, which need continuous analysis. Training is directly linked to transformations in pedagogical practice, personal and professional development, leading teaching work to change. We conclude that the teacher must acquire knowledge of the human development process, taking into consideration and contemplating in their pedagogical praxis the specificities of each child, whether physical, emotional or social.

Autores

  • Bruna Fernanda da Silva Vieira
  • Paola Gianotto Braga