Visualizações

2

propostas de ações para postos de trabalho na linha de produção, em uma empresa de eletroeletrônicos no polo industrial de manaus

As empresas precisam fazer mais produtos com menos recursos buscando aumentar seus lucros, baseado nesta necessidade, Lean Manufacturing é uma filosofia com princípios e ferramentas que auxiliam na eliminação dos desperdícios e mostrando também que os ramos das atividades precisam ser diversificados, além de ter que manter um tempo menor de produção. A falta de padronização é um dos fatores que contribuem para os problemas de entrega e qualidade, e o presente artigo tem como objetivo a avaliação e análise do tempo de ciclo dos postos de trabalho, verificando a eficiência em relação ao fator ergonômico usando técnicas para estudo e análise do processo produtivo se baseando em artigos que contenham a metodologia Lean. Neste estudo, buscam-se as comprovações juntamente com os efeitos que essa teoria apresenta em outros lugares, tendo como dados importantes para as análises a medição dos tempos de montagem antes e após as alterações feitas na linha de produção. Medição das seguintes formas, duas medições de dez tempos pela manhã e duas medições de dez tempos pela tarde, antes e após as alterações necessárias. Após todas as análises e aplicado as ações, houve um aumento de capacidade/h de 290 para 320 unidades. O desperdício foi um dos principais fatores identificados nos processos e, os riscos ergonômicos foram minimizados. A diminuição na taxa de scrap mostrou que a placa estava sendo danificada no momento da inserção da blindagem de metal, sendo necessário adicionar uma ferramenta para auxiliar na inserção dessas blindagens de metal na PCB, e juntamente com a taxa de scrap, diminuiu também o absenteísmo. A problemática deste trabalho está relacionada ao desperdício de tempo no processo de montagem, postos que possuem um tempo de montagem muito baixo em relação ao seu gargalo e um monitoramento através da quantidade de operadores relacionados à unidade produzida por hora.

propostas de ações para postos de trabalho na linha de produção, em uma empresa de eletroeletrônicos no polo industrial de manaus

DOI: 10.22533/at.ed.53021010417

Palavras chave: Lean Manufacturing, Desperdícios, Eficiência

Keywords: Lean Manufacturing, Waste, Lean Production

Abstract:

The companies need to do more products with less resources and as goal to increase the profits. Based in this needs, Lean Manufacture is a philosophy with principles and tools that help in the elimination of waste and show too that the branch of activities need to be diversified, beside that, to have to keep a less production time. The not standardization is one of the factors that contributes for the problems of quality and delivery, and the present article have as goal to the evaluation and analyze of the cycle time of work stations, verifying the efficiency in relation to ergonomic factor using technical for study and analyze of the productivity process based in articles the contains the Lean methodology. In this study, seeking the evidence together with the effects that this theory show in others places, have as important information for analyzes the measure of times of assembly before and after of the changing done in the line production. Follow the measures way, two measures of ten times by morning, and two measures of ten times by afternoon, before and after the necessary changing. After the all analyzes and applied the actions, had a increase in the capacity by hours of 290 to 320 units. The waste was one of the main factors identified in the process and, the risk of ergonomics was minimized. The decrease in the rate of scrap shown the PCB was being damaged at the moment to insert the Shield, being necessary to add a tool to help to insert this shield on the PCB, and together with the scrap rate, decreased also the absenteeism. The problematic of this work is related to time waste in the assembly process, station that has an assembly time below of the bottleneck time and a monitoring through the quantity of operators and unit produced by hours.

Autores

  • Agnaldo de Souza diniz
  • Fabiana Rocha Pinto