Visualizações

2

O lean manufacturing como estratégia competitiva em duas organizações do polo industrial de manaus

Em um período de volatilidade econômica, onde a globalização torna a concorrência entre Empresas mais acirrada, o Lean Manufacturing ou gestão enxuta que consiste no processo de identificação de fatores que não agregam valor ao processo de produção e que os remove, torna-se essencial como diferencial nas Organizações. O objetivo final de um sistema enxuto é criar processos cleans e de alta qualidade fabricação que é capaz de produzi produtos com base na demanda do cliente sem gerar qualquer o mínimo de resíduo e de desperdício durante as operações. Trata-se de um estudo comparativo na forma de relato, na forma de estudo de caso da implementação de duas organizações do ramo de termoplásticos sediadas no Polo Industrial de Manaus (PIM) que disputavam a hegemonia no fornecimento de partes e peças para uma multinacional coreana que as instigou a reduzirem os custos para estabelecer o principal fornecedor. Objetiva-se a identificar como o Lean Manufacturing pode ser utilizado como estratégia competitiva das empresas e como essas foram utilizadas em duas empresas do Polo Industrial de Manaus (PIM). Utiliza-se como procedimento metodológico a pesquisa bibliográfica para embasar nossas percepções decorrente da explicação de como o Lean Manufacturing foi implementado, onde tece-se argumentativas a partir de possíveis acertos e falhas que ocorreram no decorrer do processo. A pesquisa bibliográfica nos fez identificar que as estratégia anti-desperdício desenvolvidos pela Toyota Japonesa, devido a eficácia dos resultados obtidos, rapidamente se tornou popular em grandes empresas em todo o mundo, fator esse que pode se reverter em redução de custos que podem ser negociados entre clientes e fornecedores. Com isso, a cultura Lean Manufactuting, tende a ser utilizada por empresas de diferentes portes como uma vantagem competitiva, na medida que tendem a melhorar a produtividade e reduzir custos. Concluímos que as estratégias de implementação do PDCA, no trabalho de equipe e do envolvimento da Gestão, um fator fundamental de sucesso.

O lean manufacturing como estratégia competitiva em duas organizações do polo industrial de manaus

DOI: 10.22533/at.ed.53021010420

Palavras chave: Gestão enxuta, Redução de desperdícios, Produtividade, Competitividade.

Keywords: Lean management, Waste reduction, Productivity, Competitiveness.

Abstract:

In a period of economic volatility, where globalization makes competition between companies more fierce, Lean Manufacturing or Lean Management consists of a process of identifying factors that do not add value to the production process and that removes them, becomes essential as differential in Organizations. The ultimate goal of a lean system is to create clean and high-quality manufacturing processes that are capable of producing products based on customer demand without generating any waste during operations. This is a comparative study in the form of a report, in the form of a case study of the implementation of two organizations in the field of thermoplastics headquartered in the Industrial Pole of Manaus (IPM) that disputed the hegemony in the supply of parts and pieces to a Korean multinational which prompted them to cut costs to establish the main supplier. The objective is to identify how Lean Manufacturing can be used as a competitive strategy for companies and how they were used in twocompanies of the Industrial Pole of Manaus (IPM). Bibliographic research is used as a methodological procedure to support our perceptions resulting from the explanation of how Lean Manufacturing was implemented, where arguments are made from possible successes and failures that occurred during the process. The bibliographic research made us identify that the anti-waste strategies developed by the japanese Toyota, due to the effectiveness of the results obtained, quickly became popular in large companies around the world, a factor that can be reversed in reducing costs that can be negotiated between customers and suppliers.

Autores

  • Fabiana Rocha Pinto
  • Fabiano da Silva de França