A DANÇA COMO CONTEÚDO DA EDUCAÇÃO FÍSICA NA PREVENÇÃO DE DOENÇAS CARDIOVASCULARES

Introdução: A vida tumultuada e as rotinas vividas em busca da sobrevivência, tem feito com que homens, mulheres, crianças, adolescentes deixem de cuidar da sua saúde, isso já iniciando desde o período escolar. Evidências demonstram que a inatividade física e a condição sedentária representam uma séria deterioração das funções corporais normais, principalmente quando ligadas a outros fatores de risco às doenças crônicas degenerativas e, consequentemente, para o surgimento de doenças cardiovasculares. Os programas de exercício físico de predomínio aeróbio condicionam o sistema cardiovascular proporcionando alterações positivas em relação às disfunções crônico-degenerativas e, a dança vem a ser uma opção, abrindo caminhos para uma nova concepção de vida, onde todas as pessoas independente de suas idades, podem expressar seus sentimentos e emoções por meio do movimento corporal ritmado. Metodologia: Revisão de literatura por assunto nas bases de dados MEDLINE (PUBMED), BIREME (LILACS) e SCIELO, publicados de 2009 a 2014 e livros publicados de 1973 a 2010. Objetivo: evidenciar sobre a importância do conteúdo dança como uma modalidade de exercício físico tanto nas escolas como em outros ambientes, seus benefícios físicos e orgânicos quanto ao condicionamento aeróbio na prevenção de doenças crônicas degenerativas e doenças cardiovasculares. Conclusão: Conclui-se que a dança quando praticada respeitando os preceitos básicos do movimento contínuo, longa duração, intensidade leve moderada, proporciona um perfeito estado de equilíbrio “Steady State” entre o consumo e a oferta de oxigênio no organismo dos indivíduos. Para que essa atividade seja controlada com maior eficácia, cálculos a partir da frequência cardíaca máxima, obtendo-se resultados seguros da zona alvo de treinamento, asseguram aos praticantes seus benefícios físicos e orgânicos que a dança pode proporcionar.

A DANÇA COMO CONTEÚDO DA EDUCAÇÃO FÍSICA NA PREVENÇÃO DE DOENÇAS CARDIOVASCULARES

DOI: 10.22533/at.ed.92518021221

Palavras chave: Dança; educação; prevenção; doenças cardiovasculares.

Keywords: Atena

Abstract:

Atena

Autores

  • Lara Colognese Helegda