Visualizações

12

PRINCIPAIS FATORES DE RISCO DO AVC ISQUÊMICO: UMA ABORDAGEM DESCRITIVA

O acidente vascular cerebral isquêmico (AVCI) é um déficit neurológico focal persistente, resultado de uma isquemia seguida de infarto. Existem vários fatores de risco associados a esse evento e estes podem ser classificados como não modificáveis e modificáveis. Nesse contexto, o objetivo do presente estudo foi analisar os principais fatores de risco para os AVCI. Para isso, foram analisados vários estudos transversais, prospectivos e coortes realizadas em vários países. Em relação aos fatores de risco não modificáveis foi evidenciado que as chances de AVC duplicam após os 55 anos de idade, o sexo masculino é o mais acometido pelo AVC em idades inferiores aos 85 anos, os negros têm cerca de duas vezes mais chances de AVC do que os brancos e os hispânicos tem 1,5 vezes mais chances de AVC do que não-hispânicos. Já em relação aos fatores de risco modificáveis, a hipertensão arterial sistêmica foi apontada como o mais comum deles, além da fibrilação atrial, diabetes mellitus, dislipidemia, obesidade e o tabagismo que pode inclusive dobrar o risco de AVCI.  Fatores de risco modificáveis para o AVCI estão cada vez mais presentes em nossa sociedade, porém, através da prevenção e promoção da saúde é possível educar a população quanto os benefícios da mudança de hábitos de vida visando diminuir o risco para um episódio de AVCI futuro.

PRINCIPAIS FATORES DE RISCO DO AVC ISQUÊMICO: UMA ABORDAGEM DESCRITIVA

DOI: 10.22533/at.ed.07621090215

Palavras chave: Acidente Vascular Cerebral. Isquemia encefálica. Fatores de risco. Hábitos saudáveis.

Keywords: Stroke. Cerebral ischemia. Risk factors. Healthy habits.

Abstract:

Ischemic cerebrovascular accident (ICVA) or ischemic stroke, is a persistent focal neurological deficit, resulting from ischemia followed by an infarction. There are several risk factors associated with this event which can be classified as non-modifiable and modifiable. In this context, the aim of the present study was to analyze the main risk factors involving ischemic stroke. For this, several cross-sectional, prospective and cohort studies performed in several countries were analyzed. Regarding the non-modifiable risk factors, it was evidenced that after the age of 55 chances of having a stroke double; males are the most affected by stroke at ages below 85; blacks are about twice as likely to suffer a stroke than whites; and Hispanics are 1.5 times more likely than non-Hispanics. Regarding the modifiable risk factors, systemic arterial hypertension was identified as the most common among them, in addition to atrial fibrillation, diabetes mellitus, dyslipidemia, obesity, and smoking, which can even double the risk of ischemic stroke. Modifiable risk factors for ICVA are increasingly present in our society, however, through prevention and health promotion it is possible to educate the population about the benefits of changing lifestyle habits in order to reduce the risk of a future ICVA episode.

Autores

  • Mariana Marianelli
  • Camila Marianelli
  • Tobias Patrício de Lacerda Neto