Visualizações

45

ALZHEIMER: “DIABETES DO TIPO 3”?

Estudos identificaram uma conexão entre Diabetes Mellitus (DM) e Alzheimer (DA). Recentemente, os pesquisadores propuseram o termo “Diabetes tipo 3” para a doença de Alzheimer, devido às características moleculares e celulares compartilhadas entre Diabetes tipo 1, Diabetes tipo 2 e resistência à insulina associada a déficits de memória e declínio cognitivo, principalmente em idosos. Nessa revisão, será discutido a hiperglicemia na Diabetes Mellitus como um fator muito significativo para a incidência de Alzheimer e uma causa secundária de demência. Tais doenças também se associam por acarretarem inflamações crônicas, disfunção mitocondrial e estresse oxidativo.

ALZHEIMER: “DIABETES DO TIPO 3”?

DOI: 10.22533/at.ed.0832102023

Palavras chave: Alzheimer; estresse oxidativo; resistência à insulina; citocinas pró-inflamatórias; “diabetes do tipo 3”.

Keywords: Alzheimer; oxidative stress; insuline resistence; pro-inflamatory cytokines; “type 3 diabetes”.

Abstract:

Studies have identified a connection between diabetes mellitus (DM) and Alzheimer's (AD). Recently, researchers proposed the term "Type 3 Diabetes" for Alzheimer's disease, due to the molecular and cellular characteristics shared between Type 1 Diabetes, Type 2 Diabetes and insulin resistance associated with memory deficits and cognitive decline, especially in the elderly. In this review, hyperglycaemia in diabetes mellitus will be discussed as a very significant factor for the incidence of Alzheimer's and a secondary cause of dementia. Such diseases are also associated with chronic inflammation, mitochondrial dysfunction and oxidative stress.

Autores

  • Bruna Ferraz Mesquita
  • Eloá Leme Silveira
  • Lívia Maria Della Porta Cosac