Visualizações

6

O Estudante de medicina faz atividade física regular?

Objetivo: Em um momento em que as faculdades de medicina repensam seus currículos e formas de aprimorar seu processo de ensino-aprendizagem, conhecer a qualidade de vida do estudante e os fatores associados a uma boa ou má qualidade de vida é fundamental. O objetivo do presente estudo foi avaliar a prática de atividade física de estudantes de medicina através de um questionário auto-avaliação. Métodos: Trata-se de um estudo descritivo, transversal e observacional. De natureza qualitativa, onde os estudantes de medicina voluntários da pesquisa 255 alunos foram submetidos a um questionário. Resultados: Observamos que os alunos praticam atividade física regularmente. A musculação foi o modo de se exercitar mais frequente. O grupo analisado tinha um baixo índice de comorbidades. A promoção a saúde foi o grande objetivo da prática de esporte. Conclusão: A prática da atividade física foi frequente entre os estudantes de medicina. A musculação foi a modalidade física mais praticada. O número de comorbidade foi baixo e o índice de massa corporal dentro da normalidade. A principal motivação para a prática de exercício físico foi a promoção da saúde. Entre os sedentários a principal justificativa foi a falta de tempo. Também, pode-se inferir que a prática de atividade física em estudantes de medicina possa contribuir para reduzir a ansiedade, o estresse, o cansaço, a preocupação, a sobrecarga de trabalho ou estudo.

O Estudante de medicina faz atividade física regular?

DOI: 10.22533/at.ed.08321020215

Palavras chave: Estudantes de Medicina, Atividade Física, Medicina.

Keywords: Medical Students, Physical Activity, Medicine.

Abstract:

Objective: At a time when medical schools are rethinking their curriculum and ways to improve their teaching-learning process, knowing the student's quality of life and the factors associated with a good or bad quality of life is fundamental. The aim of this study was to evaluate the practice of physical activity by medical students through a self-assessment questionnaire. Methods: This is a descriptive, cross-sectional and observational study. Qualitative in nature, where 255 medical students who volunteered for the research were submitted to a questionnaire. Results: We observed that students regularly practice physical activity. Bodybuilding was the most frequent way of exercising. The analyzed group had a low rate of comorbidities. Health promotion was the main objective of sport. Conclusion: The practice of physical activity was frequent among medical students. Bodybuilding was the most practiced physical modality. The number of comorbidities was low and the body mass index was normal. The main motivation for practicing physical exercise was health promotion. Among sedentary people the main justification was the lack of time. Also, it can be inferred that the practice of physical activity in medical students can contribute to reduce anxiety, stress, tiredness, worry, work overload or study. 

Autores

  • Rodrgo Sattamini Pires e Albuquerque
  • Guilherme Margalho Batista de Almeida
  • Gustavo dos Santos Tavares
  • Rafael Alberto de Mendonça
  • Rafael Augusto Dantas Prinz