Avaliação da ocorrência de Leishmaniose Visceral em relação a localização geográfica em Montes Claros-MG

A leishmaniose visceral (LV) é uma zooantroponose epidêmica no Brasil, que afeta áreas rurais e periurbanas. Afeta principalmente as pessoas mais pobres e com dificuldade de acesso aos serviços de saúde. Os cães domésticos são considerados o principal reservatório no perímetro urbano. O objetivo do trabalho foi avaliar a relação entre o número de casos de LV em humanos em relação a localização geográfica e ao uso da coleira Scalubur. O encoleiramento de cães foi realizado em bairros aleatórios da cidade de Montes Claros. Os casos de LV em humanos foram notificados em todos os 12 polos regionais da cidade. O período analisado foi de 2012 a 2015. No Polo 1 houve um maior número de notificações de LV humana, totalizando nove (09) casos. Este polo está numa área de transição vegetativa de Cerrado para Caatinga, nele não houve o encoleiramento de cães, além de ser uma região de baixa renda. O Polo 12, onde houve encoleiramento em 60% dos bairros, foi o segundo com maior número de notificações, sete (07) no total e está situado entre vegetação de Cerrado e o lixão da cidade. Não foi possível estabelecer uma relação entre o encoleiramento de cães e o número de casos de LV em humanos. Tendo em vista que ambos os polos se encontram em regiões periurbanas e apresentam características sociodemográficas em comum, acredita-se que tais fatores podem estar contribuindo diretamente para que o número de casos de LV notificados seja maior que em outras regiões da cidade.

Avaliação da ocorrência de Leishmaniose Visceral em relação a localização geográfica em Montes Claros-MG

DOI: Atena

Palavras chave: Calazar, reservatório doméstico, regiões periurbanas.

Keywords: Calazar, domesticreservoir, periurbanregions

Abstract:

Visceral leishmaniasis (VL) is an epidemic zoanthroposis in Brazil that affects rural and peri-urban areas. It mainly affects the poorest people and those with limited access to health services. Domestic dogs are considered the main reservoir in the urban perimeter. The work was a relation between the number of VL cases in relation to a geographical location and the use of the Scalubur collision. Disk clipping was performed in random neighborhoods of the city of Montes Claros. The cases of VL in humans were reported in all 12 regional poles of the city. The period analyzed was from 2012 to 2015. There were no more reports of human VL, totaling nine (09) cases. This pole is in a vegetative transition area from the Cerrado to the Caatinga, the incidence was not of dog grooming, besides being a low income region. Polo 12, where there was settlement in 60% of the districts, was the second largest number of notifications, seven (07) in total and is located between the vegetation of the Cerrado and the city dump. It was not possible to establish a relationship between case-packing and the number of cases of VL in humans. To have in view that both poles are found in periurban regions and in sociodemographic features in common, it is believed that such factors are being directly contributing to the fact that the number of cases of LV reported is greater than in other regions of the city.

Autores

  • Jefferson Oliveira Silva