Visualizações

5

PANORAMA EPIDEMIOLÓGICO DE SÍFILIS GESTACIONAL NO NORTE DO BRASIL NO PERÍODO DE 2012 A 2017

A sífilis gestacional é uma infecção bacteriana sistêmica causado pelo Treponema pallidum, O modo de transmissão da infecção se dá através da relação sexual (predominante). Com o objetivo de descrever o panorama epidemiológico da sífilis em gestante no norte do Brasil no período de 2012 a 2017, destacando as variáveis: estado, classificação clínica, raça, escolaridade, faixa etária. O estudo trata-se de uma pesquisa retrospectiva, com abordagem descritiva e quantitativa, realizada por meio do levantamento situacional da sífilis em gestante no norte do Brasil, no período de 2012 a 2017. Foram notificados 19.975 (100%) casos de sífilis gestacional. Dentro das variáveis pesquisadas constatou-se que o estado onde se teve os maiores números de casos confirmados foi no Pará com 8.492 casos (42,51 %), a classificação clinica dominante no norte do Brasil foi a primaria com 9.890 (49,51 %) casos. A enfermagem tem um papel muito importante durante a consulta do pré-natal, pois o mesmo tem condição de descobrir a presença de sífilis gestacional através dos testes rápidos, triagem do pré-natal e os exames sorológicos ao decorrer das consultas durante o período gravídico, para assim evitar a ocorrência de sífilis congênita e buscar um tratamento precoce para os casos de infecção.

PANORAMA EPIDEMIOLÓGICO DE SÍFILIS GESTACIONAL NO NORTE DO BRASIL NO PERÍODO DE 2012 A 2017

DOI: 10.22533/at.ed.2962030071

Palavras chave: Epidemiologia; Sífilis Gestacional; Pré Natal

Keywords: Epidemiology; Gestational syphilis; Prenatal

Abstract:

Gestational syphilis is a systemic bacterial infection caused by Treponema pallidum. The mode of transmission of the infection is through sexual intercourse (predominant). In order to describe the epidemiological panorama of syphilis in pregnant women in northern Brazil from 2012 to 2017, highlighting the variables: state, clinical classification, race, education, age group. The study is a retrospective study, with a descriptive and quantitative approach, carried out through the situational survey of syphilis in pregnant women in northern Brazil, from 2012 to 2017. 19,975 (100%) cases of gestational syphilis were reported. Within the variables surveyed, it was found that the state where the highest numbers of confirmed cases were found was in Pará with 8,492 cases (42.51%), the dominant clinical classification in northern Brazil was the primary with 9,890 (49.51%) cases. Nursing has a very important role during the prenatal consultation, as it is able to discover the presence of gestational syphilis through rapid tests, prenatal screening and serological tests during consultations during the pregnancy period, so as to avoid the occurrence of congenital syphilis and seek early treatment for cases of infection.

Autores

  • Josinete da Conceição Barros do Carmo
  • Samara Machado Castilho
  • Raphael Resende Gustavo Galvão
  • Charles Carvalho dos Santos
  • Ana Paula Loureiro de Brito
  • Alane Reis de Paiva
  • Eliane Moura da Silva
  • Francisco Rodrigues Martins
  • Juliana Custodio Lopes
  • Antonia Gomes de Olinda
  • Wanaline Fonseca
  • Jacqueline Cristina dos Santos Fioramonte