A Influência da Comunicação

A sociedade contemporânea se caracteriza pelo avanço de investigações e
inquietações em busca – e em torno – da epistemologia da Comunicação, por meio de
estudos de diversas áreas: Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Relações Públicas,
Marketing, Design, Produção Audiovisual, etc.
Sob o enfoque de campos teórico-metodológico-empíricos que evidenciam a
complexidade da Comunicação e sua pluralidade investigativa, este livro coloca na
ribalta a influência da Comunicação, tanto a de massa quanto a virtual, considerando-a
como instituição social dotada de poder na qual/pela qual transitam discursos,
emergentes formas de socialidade, de interatividade, diálogo, negociação, conflito e
convivência.
Levamos em conta a onipresença generalizada da Comunicação, haja vista que
sua necessidade confunde-se com o ar e faz surgirem diversas pesquisas acerca de
seus efeitos e influências, tanto em nível de emissão como de recepção e circulação
de sentidos.
Assim, esta obra reúne artigos de pesquisadores de diferentes regiões do
Brasil, preocupados com o status da Comunicação e suas influências no contexto
de uma sociedade midiatizada na qual as redes/mídias, sejam de massa, sejam
virtuais, ocupam um lugar central na consolidação da democracia, da participação,
na ressignificação de práticas de ensino e na construção de um saber que traduza a
complexidade do tecido social e responda às aporias do contemporâneo.
Abordamos a Influência da Comunicação por meio de 25 artigos divididos em
3 partes: A primeira engloba discussões a respeito da influência do Jornalismo em
suas muitas nuances na sociedade contemporânea; a segunda envolve a influência
do ensino, políticas públicas, Comunicação de marcas e participação social; a terceira
abarca a influência da Comunicação no contexto das redes/mídias sociais da Internet
Este arcabouço de produções científicas problematiza os influxos do
Jornalismo, do ensino e da prática das atividades/profissões da Comunicação e das
Redes e Mídias Sociais digitais. Caracterizada pela inter/trans/multidisciplinaridade
e proliferação de tecnologias disruptivas, a Comunicação, ontologicamente, tem
como propósito fomentar a aproximação dos pontos de vista, produzindo respeito e
tolerância; contrariamente, observamos certo alargamento do fetiche da visibilidade e
o alastramento da incompreensão do mundo e do Outro.
Necessitamos renovar as condições teóricas, epistemológicas e práticas da
Comunicação e do crucial laço social, tão frágil nas sociedades expostas aos fortes
ventos da globalização, da midiatização e do consumismo sem bússola.
(Re)conhecer a essencialidade e a influência da Comunicação para a sociedade,
as organizações, os Estados-nação e os sujeitos, tornou-se conditio sine qua non para
a paz no/do mundo e a redução das desigualdades econômicas, culturais e sociais,
admitindo seus desafios e dificuldades, mas abraçando as oportunidades e esperanças
que da Comunicação emanam.
Marcelo Pereira da Silva

A Influência da Comunicação

DOI: 10.22533/at.ed.843190710

ISBN: 978-85-7247-684-3

Palavras chave: 1. Comunicação – Pesquisa – Brasil. 2. Jornalismo.

Ano: 2019

Autores

Artigos